• (85) 3224.2025
  • (85) 98601.2353

26

jun

SEO Para Afiliados – Você Sabe Como Funciona?

O SEO para afiliados é um dos principais reflexos das mudanças estabelecidas pela nova lógica de relacionamento entre consumidores e marcas. A transformação digital colocou mais poder nas mãos dos consumidores que agora têm acesso a mais informações para escolher produtos e serviços mais pertinentes para cada caso especificamente. Destacar-se ficou mais difícil sem poder usar o preço como ponto diferencial.

SEO para afiliados: Entenda como funciona

Para que seja possível entender como SEO para afiliados é uma estratégia assertiva para se destacar no mercado é necessário entender o que é marketing para afiliados, vou explicar a seguir!

O que é marketing para afiliados?

A difusão da internet permitiu o surgimento de diversas formas de ganhar dinheiro que vão muito além de ter um e-commerce. Os interessados podem aumentar os seus ganhos sem necessariamente terem realizado algum empreendimento, basta fazer a divulgação de produtos ou serviços de uma marca (produtora/vendedora) em suas páginas de redes sociais ou blogs.

O lucro para o afiliado vem do recebimento de uma comissão para cada venda que é concretizada por meio da divulgação em suas páginas. O controle é feito através da contabilização de vendas realizadas através dos links personalizados. Esses links permitem identificar da página de qual afiliado o consumidor veio. Quanto mais o público do afiliado clicar no link e comprar maior será a comissão paga.

Tipos de contabilização

Vale citar que no marketing para afiliados há diferentes formas de fazer a contabilização que incluem: Custo Por Ação (CPA); Custo Por Clique (CPC); Custo Por Vendas (CPV) e Custo Por Mil Impressões (CPM). A escolha do método varia de acordo com o segmento de mercado em que a companhia está situada e na estratégia que o vendedor utiliza.

Dessa forma, não é preciso ser um vendedor experiente para conseguir gerar algum lucro extra ao final de cada mês — basta saber divulgar corretamente determinado produto ou serviço. O mais interessante é que para obter uma fonte de renda extra não precisa ser um vendedor experiente, apenas fazer bem a divulgação dos produtos/serviços em suas redes.

O que é SEO para afiliados?

Como você já deve ter presumido há uma vasta concorrência no marketing para afiliados de maneira que é essencial se destacar das demais páginas recebendo um volume maior de visitantes que poderão clicar nos links. O conteúdo das páginas dos afiliados deve ser criativo e relevante para que a audiência seja atraída. A qualidade do conteúdo também influencia no seu posicionamento nos principais mecanismos de busca como Google, Bing e Yahoo.

Utilizando assertivamente as ferramentas de SEO como as palavras-chave é mais fácil conquistar um lugar de destaque nas buscas e assim poder figurar entre os primeiros resultados. Saiba que cerca de 75% dos internautas realizam pesquisas online antes de fechar uma compra e costumam clicar nos primeiros resultados do buscador para se informar, assim se a sua página for uma das primeiras é mais fácil que seja por meio dela que o consumidor chegue a marca vendedora gerando comissão.

SEO: Otimize suas páginas

É válido dizer que somente 13,6% dos internautas conferem até a quarta página de resultados do Google quando realizam uma pesquisa. Não dá para deixar de estabelecer diálogo com praticamente metade do público potencialmente consumidor, não é mesmo? Dessa forma é fundamental utilizar o conjunto de técnicas SEO para otimização de suas páginas aumentando assim o seu tráfego. A seguir vou dar algumas dicas para conseguir bons resultados.

1 – Conteúdo relevante

O conteúdo relevante é aquele que atende a uma demanda do público, não pode ser somente direcionado para fazer publicidade. Lembre-se de que na internet as pessoas podem escolher o que querem acessar e se não acharem interessante seu conteúdo simplesmente irão para outra página.

Além disso, os sistemas de busca usam mecanismos que dão prioridade para as páginas que contam com textos mais versáteis e que não têm como simples objetivo fazer uma venda. Vídeos e imagens podem ajudar a enriquecer a página.

2 – Invista no design responsivo

Uma questão essencial da otimização é ter uma página que possa ser exibida em dispositivos móveis como smartphones e tablets com a mesma qualidade do que num desktop. O número de pessoas que faz buscas com intuito de compras nesses dispositivos está crescendo exponencialmente e precisa ser levado em consideração para melhor ranqueamento.

3 – Alinhe com as redes sociais

Para estabelecer o posicionamento das marcas no ranking de busca o Google utiliza critérios além do conteúdo. Sinais sociais como ter um bom volume de menções e compartilhamentos em redes sociais contribuem para o entendimento de que sua página é mais relevante que as concorrentes por ter o aval dos internautas.

Fonte: Marcus Marques